Street Fighter: Assassin's Fist é uma websérie live-action baseada em uma das séries de games mais amadas de todos os tempos (Street Fighter, of course). Produção independente, feita por fãs e que respeita os fãs e o próprio game.

Como tudo começou

Tudo começou com a vontade de Joey AnsahChristian Howard de produzirem um live-action decente de Street Fighter. Sendo atores, lutadores de artes marciais e fãs de SF, eles achavam que o game merecia coisa melhor que aquele filme podreira de 1994 (que junta um ou dois atores famosos e enfia todos os personagens de SF em uma história genérica, que não tem nada a ver com o game) ou aquele pior ainda de 2009.

Em 2010 eles fizeram uma prova de conceito, uma vídeo curto, mostrando uma luta entre Ryu e Ken, entitulado Street Fighter: Legacy. Esse vídeo (ainda muito aquém do que a série final veio a se tornar) foi suficiente para a Capcom (produtora do game, pra quem não sabe) permitir que o projeto fosse adiante.

https://www.youtube.com/watch?v=h2ZXSzaUIBQ

Joey e Christian chegaram a começar uma campanha no Kickstarter para arrecadar fundos para a produção, mas logo foi cancelada devido a apoiadores privados garantirem a verba para a produção.

Enfim, em 23/05/2014 a série estreou no canal Machinima do Youtube, em 12 episódios de 12 minutos cada. Uma boa notícia para os brasileiros é que a série tem legendas em português do Brasil.

Veja aqui a playlist com todos os episódios!

Detalhe é que os produtores também atuam na série.  Joey, além de dirigir, faz o Akuma e Christian é o Ken.

[caption id="attachment_533" align="alignnone" width="600"]Joey Ansah e Christian Howard Joey Ansah e Christian Howard[/caption]

O que a série traz?

A série conta a história de Ryu e Ken antes do SF II e o surgimento do Akuma (Gouki). Ela mostra como Ryu e Ken se conheceram e como vieram a ser treinados juntos, pelo mesmo mestre (Gouken).

A ambientação bem oriental e o fato de boa parte dos diálogos serem em japonês, deixam tudo mais autêntico. Afinal a história se passa no Japão e todos os envolvidos são japoneses, com exceção dos Masters (Ken e seu pai).

As lutas são um show à parte. Coreografadas por quem entende de artes marciais, elas não são exageradas e utilizam na medida certa os golpes dos game. Tudo bem filmado, sem aqueles truques de cortes rápidos ou câmera chacoalhando.

Relação com o game

Apesar de quem nunca tenha jogado SF possa apreciar a série, os fãs do game certamente assistem com outros olhos. Fica claro que quem escreveu o roteiro conhece bem o jogo. A série não viaja inventando personagens e eventos que não tem nada a ver. Jogadores vão reconhecer várias referências, tudo encaixado perfeitamente no enredo, sem forçar nada.

Até as músicas temas de Ryu e Ken aparecem de forma criativa e inesperada, trazendo aquele feedback dos tempos de fliperama.

Personagens

Além de Ryu, Ken e Gouki, outros personagens não tão famosos aparecem ou são citados na série.

Ryu  (todos os games da série)

Ryu

Ken (todos os games da série)
Aqui ele ainda está de cabelo comprido, como ele aparece em Street Fighter Alpha/Zero.

Ken

Gouki/Akuma (a partir do Super Street Fighter II)

Gouki/Akuma

Gouken (Street Fighter IV)
Apesar de só aparecer nos games mais recentes, é um dos caras mais importantes da série, pois foi ele que ensinou Ryu e Ken o que eles sabem.

Gouken

Dan (Street Fighter Alpha, Street Fighter IV)
Dan foi aluno de Gouken antes de Ryu e Ken. Ele não aparece na websérie, mas é citado em um episódio.

Dan

Concluindo...

Se você pelo menos sabe o que é um Hadouken e ainda não assistiu Street Fighter: Assassin's Fist corre e vá assistir agora!

Eu já estou na torcida para que os produtores façam mais coisas nesse nível, talvez contando a história de outros personagens!

Fique aqui com o primeiro episódio (episódio 0). Os seguintes são linkados a partir deste.

http://www.youtube.com/watch?v=NyVO0NLoLWE&feature=share&list=PLZLTS4u9M_2r89MGqgDNGGxQfmLuhtxqU